Maternidade

Exercícios para grávidas: 7 exercícios para praticar durante a gestação!

Volta e meia nos perguntam: existem exercícios para grávidas?

A resposta é sim! Embora muitas gestantes não saibam, existem exercícios que podem ser praticados durante a gravidez. É claro que o cuidado deve ser em dobro e antes mesmo de dar início às atividades, é indispensável a permissão de um médico.

Sabemos que a obesidade pode ser muito prejudicial a saúde e não é diferente quando ela se torna mais forte na gravidez, já que tanto a mamãe quanto o bebê correm o risco de uma complicação maior.

Mas, os exercícios são recomendados não só para prevenção de diversas complicações, como também para diminuir os inúmeros desconfortos que venham ser causados pela gravidez.

Quer saber um pouco mais sobre exercícios para grávidas? Prossiga a leitura.

Perguntas frequentes sobre exercícios para grávidas

Exercícios para Grávidas

Manter um bom condicionamento físico faz bem para a gravidez?

Com certeza, se você já praticava exercícios antes mesmo de engravidar, suas condições de manter um nível de atividade no decorrer da gravidez será ainda maior que as mamães que vivem no sedentarismo.

E o bom condicionamento físico é excelente na gravidez, seus benefícios são inúmeros e todos em prol da diminuição dos desconfortos físicos, como prisão de ventre, inchaço, dores e outros, além de ajudar no humor, autoestima e no seu sono.

Quais cuidados devo tomar para sair do sedentarismo?

O primeiro passo é conversar com um médico para verificar se não há contra indicações, caso seja liberada, opte por exercícios com menos impacto, afinal, você não era acostumada com eles, os exercícios errados podem trazer complicações para a sua gravidez.

Existem motivos para não me exercitar durante a gravidez?

Verifique as intervenções abaixo, caso alguma se encaixe ao seu perfil, será indispensável o agendamento de uma consulta para então saber se o médico lhe permite dar início ou continuidade às atividades físicas. Veja a seguir:

  • ameaça de aborto espontâneo;
  • tenha dado a luz a um bebê prematuro no passado;
  • risco de um parto prematuro na atual gravidez;
  • placenta baixa;
  • sangramento forte;
  • problemas na coluna lombar ou nas articulações do quadril;
  • doença pré-existente;
  • pressão alta;
  • gravidez com mais de um bebê.

7 exercícios para grávidas

Exercícios para grávidas

1. Caminhada:

Para fazer caminhada é aconselhável usar sempre roupas leves, um bom tênis e não se esqueça de tomar bastante água para manter-se hidratada.

Pode-se caminhar até 5 vezes por semana, se atentando sempre ao horário, por conta do sol.

2. Corrida leve:

Indicada principalmente para as mamães que já se exercitavam antes da gravidez. A corrida pode ser feita durante toda a gravidez, 3 vezes por semana por 30 minutos, mas sem passar dos limites.

Lembre-se que seu médico precisa estar ciente de todos os exercícios.

3. Pilates:

O pilates pode ser praticado de 2 a 3 vezes por semana e é excelente em inúmeros aspectos, como postura, frequência cardíaca, respiração, etc.

4. Hidroginástica:

Pode ser realizada de 2 a 4 vezes por semana, inclusive para mulheres que antes eram sedentárias. A hidroginástica ajuda a reduzir dores nos pés e no fundo das costas.

5. Bicicleta ergométrica:

Essa atividade exige um cuidado maior, você só pode praticá-la até os 6 meses de gestação, podendo ser de 3 a 5 dias por semana e sem deixar a sua frequência cardíaca passar de 140 bpm.

6. Alongamentos:

Os alongamentos podem ser feitos durante toda a gestação e por qualquer gestante, contanto que contem com a ajuda de um profissional para estipular o alongamento correto.

7. Musculação leve:

As mamães que já faziam musculação antes de engravidar, podem dar continuidade a atividade, mas sem passar dos limites e diminuindo a intensidade dos exercícios e dos pesos também, pelo menos pela metade.

[BÔNUS]  Yoga para gestantes

Por não sobrecarregar as articulações, a ioga está entre as modalidades mais indicadas para as gestantes. Além de melhorar a postura e, consequentemente, diminuir as dores nas costas, a ioga fortalece a musculatura pélvica – muito exigida na hora do parto – e aumenta a flexibilidade dos quadris e das pernas.

Mesmo estando grávida é totalmente possível dar continuidade nos exercícios, contanto que você não tenha nenhuma das intervenções que citamos e que consulte um médico para verificar se está tudo ok.

A presença de exercícios vai deixar a sua gravidez mais tranquila e sem alguns incômodos chatos que acabam surgindo.

Agora que você já sabe tudo sobre exercícios para grávidas, conheça o nosso conteúdo sobre camisolas para grávidas e deixe sua gestação ainda mais aconchegante.

Moda Gestante

Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close